sexta-feira, 6 de março de 2015

Entrevista Between Kitchens




Blog: http://www.betweenkitchens.com/
Facebook: https://www.facebook.com/betweenkitchens/timeline

Numa visão muito poética, gosto de pensar no Between Kitchens como um conjunto de contos muito diversos que se complementam para formar uma narrativa mais alargada - um pouco um reflexo da minha vida. O enredo desenrola-se em diferentes lugares e diferentes personagens vão entrando em cena, numa história sobre cozinhar todo o tipo de ideias, em qualquer lugar, com diferentes custos, a qualquer altura, temperada com um pouco de arquitectura e outras coisas mais pessoais.
E para quem não me conhece, sou a Inês, tenho vinte e poucos anos e sou Arquitecta. Vivo em Munique, na Alemanha, mas já vivi no Porto e cresci um pouco mais a Sul, em Aveiro. Para além de arquitectura e de cozinhar, adoro música, fotografia, design, cinema, viajar, escrever e tecnologias digitais. Acho que cozinhar para outra pessoa é partilhar um pouco da nossa alma.

Desde quando a paixão pela culinária?
Sou apaixonada pela culinária desde muito antes de conseguir acender um fósforo. A partir daí foi 'sempre a abrir'! ;)

Blogs favoritos
Esta pergunta é a mais difícil, tendo em conta a enorme quantidade de blogs que sigo! Visto que me parece que os outros participantes irão mencionar blogs de culinária, e porque na verdade têm mesmo um significado muito especial para mim, tenho de concluir que são os das minhas melhores amigas Teresa (http://pretty-little-stories.blogspot.pt) e Betty (http://bettyfromnowhere.blogspot.com).

Quais são as suas inspirações culinárias?
Desde o contínuo de receitas por que passo os olhos todos os dias em livros, blogs e revistas, até às coisas mais inesperadas e abstractas, como pensar em combinações de cores ou ambientes.

Qual é a receita de que mais se orgulha?
Normalmente fico muito orgulhosa quando consigo fazer algo que pensava impossível, e estou sempre à procura de novos desafios. Adoro inventar coisas novas e sou aquela pessoa que para um evento importante acaba sempre a fazer coisas que a tiram da zona de conforto - por vezes até demasiado! Tenho algumas receitas que são sucesso garantido, mas tento sempre alterá-las de cada vez que as recrio ou até mesmo fugir delas. Nos últimos tempos, diria que é o meu Beef Wellington, para o qual preparei inclusive a massa folhada (http://www.betweenkitchens.com/2015/01/food-is-sexy.html)

Receita com mais sucesso no blog?
A mais vista de sempre é sem dúvida o Bolo Xadrez (http://www.betweenkitchens.com/2012/09/checkmate.html), mas a receita mais reproduzida e da qual mais me falam é sem dúvida o Very Berry Cheesecake (http://www.betweenkitchens.com/2012/03/i-had-been-dreaming-of-this.html), inspirado na receita da minha amiga Margarida Marques.

Prato favorito da Cozinha Portuguesa?
Arroz de peixe e/ou marisco, peixe fresco grelhado com migas e/ou arroz malandro de feijão, bacalhau de todas as formas menos à Brás ou com Natas.

Prato ou Cozinha Internacional favorito/a?
Cozinha italiana e sushi, sem dúvida. Para mim o pequeno-almoço é sagrado e aí devo incluir scones inglêses e panquecas americanas bem espessas. Daqui de Bayern, não posso deixar de mencionar brezn, glühwein e os doces! :)

Ingrediente favorito?
Aqui vou ser muito tradicionalista! Alho e azeite - a origem de tudo, não fosse eu ser portuguesa ;)

Especiaria favorita?
Depende imenso do meu mood, mas se tivesse de escolher só uma para qualquer ocasião, escolhia um moinho de pimentas mistas! Adoro casca de limão e sementes de mostarda moídas também. Ao nível das ervas frescas, adoro coentros (a erva da discórdia), manjericão e cebolinho.

Diga-nos, o que é que nunca cozinhou mas gostaria de cozinhar?
Boeuf Bourgignon (o que dura mais de dez horas!).

Qual foi o maior disparate que já fez na cozinha?
Tentar bater merengue à mão com um fouet aos dez anos... sem desistir... e ficar mesmo triste quando não resultou! Estar a falar ao telefone enquanto cozinhava... passados uns belos anos... e acabar com o telemóvel mergulhado em chocolate derretido (vai-se a ver e ainda é pior que conduzir ao telefone!). E finalmente decidir seguir as receitas à risca e não os meus instintos.


Na cozinha nunca me pode faltar
Esta é complicadíssima, porque afinal o Between é sobre cozinhar com o inesperado... Mas na minha cozinha nunca pode faltar o sal. E chá - sou completamente viciada em chá!!

Obrigada Inês


Sem comentários:

Enviar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...